Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Corrida no Feminino # Alimentação Saudável !

por Diário de uma Magra by Dinora Bastos, em 06.11.16

corrida.jpg

“Os praticantes de desporto de todos os níveis sempre aspiraram a chegar mais longe e mais depressa com a ajuda da alimentação. Desde a antiguidade clássica que se consomem determinados alimentos ou partes de animais como “ajuda” ergogénica ao desempenho físico.

A alimentação pode melhorar o rendimento e a recuperação do exercício através de estratégias nutricionais bem escolhidas e individualmente planeadas.” 

Nutrição no DesportoPrograma Nacional para a promoção da Alimentação Saudável (Direção Geral-Saúde)   

 

Este texto é dedicado às amigas que gostam de correr :)  Profissionais ou apenas por paixão os cuidados com a alimentação não devem ser descurados. 

 

Não passar várias horas sem comer! 

 

Estudos mostram que as mulheres que mantêm o seu peso constante são geralmente aquelas que comem, pelo menos, quatro vezes por dia e que não saltam refeições. Este hábito pode, também, melhorar o seu desempenho no trabalho/treino. 

Pesquisas demonstram que comer um lanche no período da manhã e da tarde melhora a memória e as habilidades cognitivas durante todo o dia. Por outro lado, ao saltar refeições você pode ficar incapaz de se concentrar e sem energia para o treino (principalmente se o treino for ao fim do dia). 

Além disso, as refeições que evita durante o dia muitas vezes levam a excessos no período da tarde e da noite. Ou seja, você vai ficar mais propensos a selecionar os alimentos mais calóricos, ricos em gordura e açúcar e em maior quantidade. 

Tente comer cerca de cinco vezes por dia - três refeições principais e dois lanches. Se você tem dias muito atarefados, sem tempo livre, então deve organizar com antecedência as suas lancheiras. Adquira o hábito de preparar lanches e coloque no seu saco de treino, prepare petiscos saudáveis ​​para colocar na lancheira do trabalho para os lanches do meio da manhã e meio da tarde.  

 

Vitamina B2 

 

A Vitamina B2 (riboflavina) auxilia na “quebra” de hidratos de carbono e gorduras para a produção de energia, propriedades que tornam esta vitamina crucial durante exercícios de endurance. Um estudo realizado com mulheres revelou que 30 minutos de exercício diário diminui os níveis de riboflavina no corpo.

Para melhorar a sua saúde/ rendimento deve apostar em alimentos ricos nesta vitamina.A maioria dos produtos lácteos são boas fontes de riboflavina (leite, iogurte, queijos), mas os flocos de aveia, a levedura de cerveja e a amêndoa são outros exemplos.

 

Cálcio 

 

Um bom aporte de cálcio e proteína é crucial para as mulheres, especialmente para as mulheres que são suscetíveis à osteoporose ou com amenorreia. 

Embora as atividades como correr e a musculação ajudam a construir ossos mais fortes é fundamental que faça uma ingestão adequada destes nutrientes. Se costuma ter longos períodos sem menstruação, você pode perder massa óssea, apesar de exercício físico regular. Isso porque as mulheres amenorreicas têm níveis mais baixos de estrogénio, uma hormona que desempenha um papel fundamental na construção e manutenção do cálcio do osso.

Estima-se que 25% das mulheres corredoras tornam-se amenorreicas em algum período. Evite os suplementos de fibras: estes ligam-se ao cálcio e outros minerais no trato intestinal, diminuindo a absorção de nutrientes essenciais.

 

Dieta Vegetariana, vigiar nutrientes! 

 

Um estudo com mulheres vegetarianas mostrou que em comparação com as não vegetarianas apresentavam menor aporte de cálcio, zinco e vitamina B12.

Uma vez que, a vitamina B12 é encontrada praticamente só em produtos de origem animal (carne vermelha, peixe, marisco, ovos e leite são boas fontes), as vegetarianas estritas devem procurar um médico para melhor aconselhar e prescrever um suplemento adequado.

Zinco, que é necessário para o bom funcionamento do sistema imunológico, encontra-se nas ostras, carne, germe de trigo.

 

Ferro

 

Estudos mostram que mais de 50 por cento de todas as mulheres corredores apresentam níveis baixos de ferro. 

Níveis baixos de ferro podem traduzir-se em fadiga e falta de resistência, uma vez que o sangue é incapaz de transportar oxigênio de forma eficiente para os músculos trabalharem. 

A solução é simples: comer mais alimentos ricos em ferro - carne vermelha magra e aves são duas das melhores fontes.

As mulheres muitas vezes evitam carne vermelha devido ao seu teor de gordura, mas ao escolher cortes magros você pode obter o ferro, mantendo uma dieta de baixa gordura. Boas fontes vegetarianas de ferro são as leguminosas (lentilhas, ervilhas, feijão).

 

NOTA: Este texto não invalida uma avaliação personalizada por um profissional de saúde para um acompanhamento nutricional mais adequado e ajustado às suas necessidades.

 

Coma Bem… Corra Bem… Viva Melhor!

Boas corridas***

 

Fonte/Foto: Running Magazine

publicado às 19:19

Pudim de Chia # Benefícios # Perda de Peso

por Diário de uma Magra by Dinora Bastos, em 19.10.16

Pudim Chia 1.jpg

As Sementes de Chia apresentam uma riqueza em nutrientes que podem ter benefícios importantes para o seu corpo e cérebro.São ricas em fibra e em antioxidantes que ajudam a reduzir a inflamação e melhorar a saúde do coração e apresentam um teor proteico interessante.

 

As sementes de chia apesar de pouco sabor quando adicionadas em água (ou noutro liquido) aumentam de volume e adquirem uma consistência gelatinosa.

 

As características das sementes de chia tornam o Pudim de Chia um lanche saudável, pouco calórico (pode ter cerca de 200 calorias) e muito saciante.

 

Receita de Pudim de Chia

 

Ingredientes:

 

. 1 Colher de sopa de sementes de chia

. 1/2 Chávena de água (pode fazer com leite magro ou outra bebida vegetal)

. 1 Colher de sopa de cacau em pó

. 1 Colher de Sopa de Whey

. 1 Colher de sopa manteiga de amendoim

. 1 Colher de café de Stevia ou outro adoçante (opcional)

 

Modo de Preparação:

 

. Combine sementes de chia e água num recipiente pequeno;

. Tape e leve ao frio pelo menos durante 30 minutos;

. Adicione o cacau, manteiga de amendoim e adoçante e mexa tudo até obter mistura homogénea.

. Pode acrescentar fruta fresca (opcional).

 

Mais sobre as Sementes de Chia aqui!

 

 

publicado às 18:03

Banana # Saudável e Deliciosa!

por Diário de uma Magra by Dinora Bastos, em 09.10.16

Banana - fruta.gif

 

A banana além de ser uma fruta muito nutritiva (contêm vários nutrientes essenciais) apresenta benefícios para a digestão, saúde do coração e perda de peso. 

 

Algumas das características que tornam a banana um fruto muito interessante:

 

1. Nutrientes importantes! 

 

Existem muitas variedades de bananas, que variam na cor, tamanho e forma. 

 

Uma banana (100 gramas) contém: 

Hidratos de Carbono: 21.8g

Fibra: 3,1g

Proteína: 1,6g

Gordura: 0,4g    

 

Potássio: 425mg

Vitamina B6: 0,29mg

Vitamina C: 10mg

Magnésio: 28mg 

 

100g de banana contém apenas cerca de 95 calorias! 

 

Os hidratos de carbono presentes nas bananas verdes consistem essencialmente de amido e amido resistente, mas na banana madura, o amido “transforma-se” em açúcar (glucose, frutose e sacarose).

 

2. Controlo dos níveis de açúcar!

 

As bananas são ricas em fibra – pectina - o que lhe dá a sua forma estrutural carnuda.

As bananas verdes contêm amido resistente, que age como fibra solúvel e “escapa” da digestão (não é digerida pelo Homem). 

Ambos, pectina e amido resistente, podem moderar os níveis de açúcar no sangue após as refeições e reduzir o apetite (atrasando o esvaziamento gástrico). 

 

O valor glicêmico das bananas é muito variável (cerca de 30 nas bananas verdes e nas bananas maduras pode rondar 60-80). 

O índice glicêmico varia entre 0 e 100 e representa o quão rapidamente os alimentos aumentam os níveis de açúcar no sangue.

 

Classificação:

IG menor ou igual a 60: baixo

IG entre 70 e 90: moderado

IG maior que 100: alto

 

Isto significa que as bananas podem não causar grandes picos nos níveis de açúcar no sangue em indivíduos saudáveis (especialmente as verdes).

 

2. Saúde Do Sistema Digestivo!

 

A fibra tem sido associada a muitos benefícios na saúde, incluindo uma melhor digestão. 

Uma banana de tamanho médio contém cerca de 3 gramas de fibra, fazendo a banana uma boa fonte de fibra. 

 

As bananas contêm principalmente dois tipos de fibra: 

. Pectina: diminui à medida que a banana amadurece

. Amido resistente: presente nas bananas verdes

 

O amido resistente não é digerido e acaba no nosso intestino grosso, onde se torna alimento para as bactérias intestinais benéficas. 

 

Além disso, alguns estudos com células revelou que a pectina pode ajudar a proteger contra o cancro do cólon.

 

3. Perda de Peso!

 

Nenhum estudo testou diretamente os efeitos da banana na perda de peso.

No entanto, a banana têm várias características que podem promover a perda de peso. 

 

A banana contém relativamente poucas calorias (banana média contém cerca de 100 calorias) e a sua ingestão ajuda na sensação de saciedade e a reduzir o apetite. 

 

Apresenta, ainda, um bom teor de fibra. E, a ingestão de fibra tem sido, repetidamente, associada com menor peso corporal e perda de peso.

As bananas contêm altas quantidades de amido resistente / pectina, que pode variara consoante o estado de maturação.

Ambos podem reduzir o apetite e ajudar a na sensação de saciedade.  

 

5. Saúde do Coração!

 

O potássio é um mineral que é essencial para a saúde do coração, especialmente o controlo da pressão arterial.

No entanto, apesar da sua importância, a maioria das pessoas não ingere uma quantidade suficiente/adequada de potássio.

As bananas são uma grande fonte dietética de potássio. 

 

Uma dieta rica em potássio pode ajudar a baixar a pressão arterial, e as pessoas que comem a dose adequada de potássio podem ter um menor risco de doenças cardíaca. Além disso, a banana contém uma boa quantidade de magnésio, o que também é importante para a saúde do coração. 

 

Ou seja, as bananas são uma boa fonte alimentar de potássio e magnésio, dois nutrientes que são essenciais para a saúde do coração. 

 

6. Poderosos Antioxidantes!

 

Frutas e vegetais são excelentes fontes de antioxidantes na dieta, e as bananas não são exceção.

Os antioxidantes têm sido associados a muitos benefícios para a saúde, tais como um risco reduzido de doença cardíaca e doenças degenerativas.

 

7. Benefícios no Exercício!

 

A banana é muitas vezes referida como o alimento perfeito para os atletas, em grande parte devido ao seu teor mineral e hidratos de carbono.

As bananas podem ajudar a aliviar cãibras musculares causadas ​​pelo exercício (apesar de haver alguns estudos que revelam não ter um efeito muito significativo).

 

Elas também fornecem excelente combustível para o exercício de resistência. 

 

Além desta características nutricionais as bananas são facilmente incorporadas na alimentação, são incrivelmente fáceis de comer e de transporte.

Geralmente, são bem toleradas e digeridas, e só têm de ser descascadas e comidas!  

 

Além disso, bananas raramente contêm quaisquer pesticidas ou poluentes, devido à espessura da sua casca protetora. 

 

Fontes:

. Dr Kris Gunnars

. Instituto Nacional de Saúde – Dr. Ricardo Jorge

 

Nota: Um plano alimentar deve ser o mais personalizado e individual possível.

Este texto não invalida a consulta/aconselhamento por um profissional de saúde.

publicado às 12:42

Metabolismo # Aumentar o metabolismo e queimar calorias!

por Diário de uma Magra by Dinora Bastos, em 02.10.16

metabolismo.png

 

Afinal o que é o metabolismo?

 

Simplificando… 

O metabolismo engloba um conjunto de reações químicas que ocorrem no organismo, muitas vezes usado como sinónimo de taxa metabólica, ou a quantidade de calorias que você queima. 

 

Quanto mais rápido e eficaz for o seu metabolismo, mais calorias são gastas! 

 

10 Dicas para aumentar o metabolismo!

 

1. Comer uma boa porção de proteína em todas as refeição (a quantidade deve ser ajustada individualmente)

 

O efeito térmico dos alimentos (TEF) é causado pelas calorias extras necessários para digerir, absorver e processar os nutrientes da refeição.

A ingestão de proteína proporciona um aumento do TEF (aumentando a taxa metabólica cerca de 15-30%, em comparação com 5-10% de hidratos de carbono e 0-3% para gorduras).

 

Também foi demonstrado que comer alimentos ricos em proteína pode ajudar a sentir-se mais completo e impedi-lo de comer em excesso.  

 

2. Beba mais água fria 

 

Estudos têm mostrado que o consumo 0,5 litros de água aumenta o metabolismo em 10 a 30% (cerca de uma hora). 

Este efeito de queima de calorias pode ser ainda maior se você beber água fria, uma vez que o seu organismo vai gastar energia extra para “voltar aquecê-lo”. 

 

A água também pode ajudar na saciedade. Estudos mostram que o consumo de água meia hora antes das refeições pode ajudá-lo a comer menos. 

 

Um estudo em adultos com excesso de peso revelou que aqueles que beberam meio litro de água antes de suas refeições perderam cerca de 44% mais peso do que aqueles que não beberam.

 

3. Treinos de alta intensidade

 

Treino HIIT ou treino intervalado de alta intensidade envolve explosões rápidas e muito intensas de atividade, seguidos de uma fase, também curta, de recuperação. 

 

O HIIT pode ajudá-lo a queimar mais gordura, aumentando a sua taxa metabólica, mesmo após o treino terminar. 

Este efeito é acreditado ser maior no HIIT do que para outros tipos de exercício.  

 

Um estudo em homens jovens com excesso de peso revelou que em 12 semanas de exercícios de alta intensidade, eles reduziram a massa gorda (cerca de 2 kg) e gordura abdominal (17%).

 

4. Treino Pesos/ Musculação

 

O músculo é metabolicamente mais ativo do que gordura e construção muscular pode ajudar a aumentar o metabolismo. Isto significa que você vai queimar mais calorias durante o dia, mesmo em repouso. 

A musculação também irá ajudá-lo a manter o músculo e combater a queda no metabolismo que pode ocorrer durante a perda de peso. 

 

5. Levante-se mais! 

 

Passar o dia sentado é péssimo para a saúde (e para o metabolismo). 

O sedentarismo já foi apelidado por alguns profissionais de saúde de "o novo fumar."

Se você tem um trabalho de secretária, tente levantar-se por períodos curtos para quebrar o período de tempo que você passa sentado.

 

6. Beber chá verde ou chá Oolong

 

O chá verde e chá e oolong podem aumentar o metabolismo cerca de 4-5%. 

Estes chás ajudam a converter parte da gordura armazenada no corpo em ácidos gordos livres, o que pode estimular a queima de gordura entre 10 a 17%. 

 

Como são bebidas pouco calóricas, a sua ingestão pode ser boa para quem quer perder e manter o peso.

No entanto, alguns estudos consideram que estes chás não afetam o metabolismo. Portanto, o seu efeito pode ser pequeno ou só se aplica a algumas pessoas.

 

7. Comer alimentos picantes

 

Comer comida picante pode ser benéfico para impulsionar o seu metabolismo e ajudá-lo a manter um peso saudável. 

 

Pimentas contêm capsaicina, uma substância que pode aumentar o seu metabolismo. Embora, muitas pessoas não toleraram estas especiarias nas doses necessárias para ter um efeito significativo. 

 

Os efeitos da adição das especiarias na comida podem ser muito pequenos. No entanto, pode ser útil quando combinado com outras estratégias de aumento do metabolismo.

 

8. Sono tranquilo e adequado

 

A privação de sono pode diminuir a quantidade de calorias que você queima, perturbar o metabolismo/processamento do açúcar e alterar o normal funcionamento as hormonas reguladoras do apetite. 

A falta de sono está associada a um aumento significativo no risco de obesidade. Isto pode, em parte, ser causado pelos efeitos negativos da privação de sono sobre o metabolismo.  

 

9. Café 

 

Estudos têm demonstrado que a cafeína pode aumentar o metabolismo de 3-11%.

Á semelhança do chá verde também promove a queima de gordura.

Os efeitos do café sobre o metabolismo e a queima de gordura também podem contribuir para uma perda (e manutenção) de peso bem-sucedida.

 

10. Óleo de coco 

 

Ao contrário de outras gorduras saturadas, óleo de coco contém uma grande quantidade de gorduras de cadeia média. 

As gorduras de cadeia média podem aumentar mais o metabolismo do que as gorduras de cadeia longa encontrados em alimentos como a manteiga.

A substituição de outras matérias gordas para cozinhar por óleo de coco pode ajudar a impulsionar ligeiramente o seu metabolismo.  

 

Não esquecer: O metabolismo é pessoal e intransmissível e depende de vários fatores.  

 

Fazer pequenas mudanças de estilo de vida e incorporar estas dicas na sua rotina pode aumentar o seu metabolismo e, ter um metabolismo mais elevado, pode ajudar a perder peso e mantê-lo, dando-lhe mais energia. 

 

Mas, não se esqueça que o metabolismo é apenas um dos fatores que interferem no processo de perda de peso!

 

publicado às 21:09

Abacate # Nutrição # Gestão de Peso

por Diário de uma Magra by Dinora Bastos, em 29.09.16

abacate.jpg

O Nutrition Journal publicou um estudo que associa o consumo diário de abacate e uma melhor alimentação/nutrição, comparativamente a pessoas que nunca consomen esta fruta. Isso porque, de acordo com um estudo da Nutrition Impact, uma consultoria americana especializada em alimentação e nutrição, este hábito aumenta a probabilidade do indivíduo ingerir mais nutrientes, como fibras e vitaminas.

 

Permitindo, deste modo, atingir um peso, índice de massa corporal (IMC) e perimentro abdominal menores.

 

Os pesquisadores basearam-se nos dados de 17.567 pessoas com mais de 19 anos que participaram do Levantamento e Exame de Saúde e Nutrição Nacional (NHANES, na sigla em inglês) dos Estados Unidos.

 

Dos participantes da pesquisa, 347 consumiam abacate, em qualquer quantidade, ao menos uma vez por dia. A média do consumo diário dessas pessoas era de meio abacate de tamanho médio (cerca de 5,5 gramas). Esses indivíduos, em comparação com aqueles que nunca comiam a fruta, consumiam, em média, a mesma quantidade de calorias totais em um dia. No entanto, eles ingeriam mais nutrientes essenciais para uma boa saúde - 48% mais vitamina K, 36% mais fibras, 23% mais vitamina E, 16% mais potássio e 13% mais magnésio em um dia.

 

O estudo também observou que os indivíduos que comiam abacate todos os dias, em média, pesavam 3,5 quilos a menos e tinham um perimentro abdominal quatro centímetros menor do que a das pessoas que não consumiam a fruta. Eles também apresentavam níveis maiores de HDL, o colesterol "bom", no sangue.

 

Síndrome metabólica - A partir desses benefícios associados ao hábito de comer abacate diariamente, os pesquisadores concluíram que o consumo da fruta pode reduzir o risco de síndrome metabólica até 50%.

A síndrome metabólica acontece quando uma pessoa apresenta três ou mais das seguintes características: hipertensão, açúcar elevado no sangue, excesso de gordura abdominal, baixo nível de bom colesterol e índices elevados de ácidos gordos.

 

"Esses resultados sugerem uma associação interessante entre o consumo de abacate e uma melhor nutrição e boa saúde", diz Victor Fulgoni, coordenador do estudo. Segundo o pesquisador, novos estudos sobre a fruta e a sua contribuição à saúde cardiovascular já estão em andamento e devem aprofundar os conhecimentos em relação ao alimento.

 

Leia mais sobre o abacate:

ABACATE / Receita

ABACATE - Preveção AVC

 

Fonte: Nutrition Journal

Veja*

publicado às 10:00

10 Alimentos / Bebidas Que ajudam na Perda de peso (e gordura)!

por Diário de uma Magra by Dinora Bastos, em 25.09.16

Alimentos Perda Peso.jpg

 

Quando se trata de perda de peso, nem todos os alimentos são iguais e funcionam da mesma maneira. 

 

Alguns alimentos podem aumentar a quantidade de calorias que você queima, diminuir apetite, ou ambos. 

Isto pode ser causado por proteínas, fibras, ou outras substâncias naturalmente presentes nos alimentos. 

 

Aqui estão 10 alimentos/bebidas que não podem faltar na sua alimentação!

 

1. Nozes 

 

Apesar de serem ricas em gordura, as nozes estão entre os alimentos mais amigos da ​​perda de peso.

 

As nozes têm baixo teor de hidratos de carbono, ricas em fibras, gorduras saudáveis ​​e proteínas. 

 

As nozes também são altamente saciantes, sente-se mais completo com menos calorias.  

 

Há também algumas evidências que demonstram que as nozes podem aumentar o seu metabolismo. 

As pessoas que comem nozes tendem a pesar menos, e ensaios clínicos mostram que o seu consumo pode favorecer a perda de peso e levar a reduções significativas no tamanho da cintura. 

 

2. Óleo de coco  

 

As gorduras do óleo de coco consistem principalmente em ácidos gordos chamados de triglicerídeos de cadeia média. 

Este tipo de gordura é metabolizado de forma diferente, e pode ter efeitos biológicos potentes. 

 

Alguns estudos têm mostrado que estes ácidos gordos podem fazer sentir-se tão cheio que ingere até 256 menos calorias por dia, e aumentar o número de calorias que você queima (até 120 calorias por dia). 

 

Curiosamente, os estudos analisaram se o óleo de coco pode causar a perda de peso em humanos e os resultados não mostraram uma redução no peso, mas revelaram uma redução significativa no perímetro abdominal em pessoas que comeram 30 ml (2 colheres de sopa) de óleo de coco por dia. 

 

O que isto significa que o óleo de coco é particularmente eficaz em ajudar a perder gordura da barriga, a gordura nociva, e que tende a acumular-se em torno dos órgãos.

 

3. Batatas Cozidas 

 

As batatas podem promover o aumento de peso, ou ajudar a perder peso, dependendo de como você as prepara.

Pois, batatas fritas e batatas cozidas não são a mesma coisa :)

100g Batata Cozida = 106kcal

100g de Batata Frita = 220kcal

100g de Batata Frita LIGHT de Pacote = 490kcal 

 

As batatas promovem a saciedade. 

 

4. Café 

 

O café, ingerido com moderação, é uma bebida saudável e carregada de antioxidantes e compostos bioativos.  

Há alguma evidência de que a cafeína, o ingrediente ativo do café, pode aumentar a queima de gordura e ajudar a controlar o peso. 

Na verdade, a cafeína pode aumentar 3-11% o metabolismo e aumentar temporariamente a queima de gordura em até 10-29%. 

 

5. Peixes e carnes magras

 

Quando se trata de perder peso, a proteína é o rei dos nutrientes. 

Algumas das melhores fontes de proteína de qualidade na dieta incluem peixes e carnes magras. 

 

Estudos mostram que uma dieta rica em proteínas pode aumentar o metabolismo (80-100 calorias por dia).  

Uma dieta rica em proteínas também pode ajudar a reduzir a ansiedade e desejo de snacks/lanches ao fim do dia e ajudar a prevenir a recuperação do peso durante a fase de "manutenção".

 

6. Vinagre de maçã 

 

O vinagre de maçã é incrivelmente popular na comunidade da saúde natural, e tem sido demonstrado que têm inúmeros benefícios. 

Pode reduzir significativamente a resposta do açúcar no sangue após uma refeição rica em hidratos de carbono e pode ter efeitos modestos sobre o seu peso.

 Um estudo revelou que tomar 15-30 mL (1-2 colheres de sopa) de vinagre por dia promoveu a perda de peso (1,2 - 1,7 kg) ao longo de um período de 12 semanas.

 

7. Chá Verde 

 

O chá verde é outra bebida muito associada ao emagrecimento/perda de peso. 

Como o café, ele contém uma certa quantidade de cafeína, que pode ajudar a queima de gordura. 

 

No entanto, o chá verde também contém várias outras substâncias bioativas que podem ter um efeito interessante. 

De acordo com alguns estudos, o extrato de chá verde pode aumentar o metabolismo em cerca de 3-4% e aumentar a queima de gordura em até 17%.    

 

 8. Pimento 

 

O pimento contem uma substância chamada capsaicina. Muitos estudos têm demonstrado que a capsaicina pode reduzir o apetite e aumentar o metabolismo. 

Por esta razão, a capsaicina é um ingrediente muito popular na perda de peso em suplementos comerciais.

 

9. Água 

 

Água pode ter muitos benefícios, e é surpreendentemente eficaz para perda de peso. Beber cerca de meio litro de água pode aumentar o seu metabolismo em 30% por um período de 1 a 1,5 horas. 

 

Beber água fria ainda é o melhor, porque então o corpo precisa gastar energia (calorias) para aquecer a água à temperatura do corpo. 

 

A melhor época para beber água é antes das refeições, pois beber meio litro de água, meia hora antes das refeições, tem sido demonstrado que aumenta plenitude/saciedade

 

10. Ovos

Os ovos estão entre os alimentos mais saudáveis ​​e mais nutritivos da nossa alimentação.

 

 Os ovos foram demonizados por serem ricos em colesterol, mas investigações recentes mostram que eles têm efeitos negligenciáveis ​​sobre o colesterol no sangue. 

 

Existem também alguns estudos que mostram que comer ovos ao pequeno-almoço pode ser útil para perda de peso. 

Outro estudo mostrou que um pequeno-almoço com ovos causou 65% maior perda de peso do que um pequeno-almoço só com pão/bolachas, embora ambas as refeições continham o mesmo número de calorias. 

 

Nota: A alimentação deve ser sempre ajusta às suas necessidades, objetivos e gosto pessoais.

Procure um profissional de saúde que o ajude a estabelecer metas reais e a atingir os seus objetivos de uma maneira saudável.

 

Fonte: Kris Gunnars, BSc CEO and Founder. Bachelor's Degree in Medicine.

Foto: Google

 

publicado às 22:50

Leguminosas # Perda de Peso

por Diário de uma Magra by Dinora Bastos, em 07.09.16

leguminosas arroz massa.png

 

A Organização das Nações Unidas (ONU) declarou 2016 o Ano Internacional das Leguminosas.

 

As leguminosas são excelentes fontes de hidratos de carbono de absorção lenta, que garantem energia para o bom funcionamento do organismo, e de proteínas com funções de construção.

 

O seu valor nutricional é enriquecido com nutrientes como o ferro, ácido fólico, magnésio.

 

O alto teor em fibras vegetais, são o ingrediente secreto para ajudá-lo a sentir-se completo, saciado, controlar o apetite e ajudar na perda de peso.

 

Tente incluir estes alimentos mais vezes na sua alimentação.

 

Garanta a diversidade nutricional, o seu organismo agradece!

 

Nota: Valor nutricional por 100g/alimento!

Fonte: Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge

 

publicado às 12:06

SORTEIO # SUPER DRENANTE # X6 - Slim Tech

por Diário de uma Magra by Dinora Bastos, em 31.08.16

SORTEIO - BOA SAUDE blog.jpg

O “Diário de uma Magra” e a Boa Saúde a pensar em si vão sortear um Super Drenante X6 – Slim Tech, um suplemento que combina os efeitos drenante, termogénico e inibidor do apetite.

 Para isso basta:

1 - Colocar GOSTO na página do Facebook Dinora Bastos - Nutricionista;

2 - Colocar GOSTO na página do Facebook da Boa Saúde;
3 - PARTILHAR o passatempo no vosso mural;
4 - Mencionar o nome de 3 AMIGOS nos comentários desta foto.


(gostos e partilhas colocados em modo público; podem participar as vezes que quiserem, desde que marquem amigos diferentes)


O passatempo terminará no dia 14 de Setembro às 24h e o(a) vencedor(a) será sorteado através dorandom.org.

 

O resultado é publicado dia 18 de Setembro!

 

Boa Sorte!

publicado às 13:00

Emagrecer # Comece Hoje!

por Diário de uma Magra by Dinora Bastos, em 29.08.16

Mesmo Peso Diferentes Formas.jpg

O verão está a terminar, as férias a acabar e é dominado pelo pensamento: “este ano vai ser diferente: vou ter cuidado com alimentação e praticar exercício físico para chegar ao próximo verão em forma!”?

 

Tem receio de voltar a falhar, de não conseguir atingir os objetivos?

 

Tenho a arma secreta para o ajudar: Consciência e Consistência.

 

Pode parecer vago e inútil, mas você nunca vai alcançar os seus objetivos sem um objetivo claro, consciente e consistente. Quando agir de forma consciente e consistente todo o processo é mais rápido, simples e eficaz.

 

Ou seja, no “caminho do emagrecimento” só quando perceber a importância da perda de peso (para a saúde e bem-estar) e as medidas/ferramentas eficazes para isso acontecer (alimentação e exercicio fisico) terá a motivação ideal para atingir o seu objetivo.

 

E, quando as ações se tornarem um hábito, as coisas acontecem. Quando temos rotinas saudáveis bem enraizadas no nosso dia-a-dia, não será uns dias de férias, um casamento ou uma noitada que irá estragar o que alcançou.

 

Por exemplo: escovar os dentes é uma tarefa diária que faz todos os dias de forma automatica. Se falhar um dia não vai colocar a saúde oral em risco, nem provocar estragos de maior.

 

Na Nutrição e o Exercício o raciocínio é o mesmo: deve criar um hábito (saudável e diário)! Se você optar por uma alimentação saudável, completa e variada ajustada a si com alimentos nutritivos e praticar exercício físico regularmente, vai obter bons resultados rapidamente e não será um deslize que vai estragar o que conseguiu.

 

Use a coerência para alcançar os seus objetivos. Não estabeleça metas inatingíveis, mas sonhe alto. Comece lentamente, fazendo pequenas mudanças gerenciáveis.

 

Dentro do equilíbrio tudo é possível.

 

NOTA: Não se esqueça que o mesmo peso pode ter várias formas corporais. Não se deixe enganar pelo pelos numeros da balança!

 

“As mudanças no seu estilo de vida devem ser encaradas como um casamento, não como  um caso de uma noite.”!

 

Esta é a analogia perfeita, não acha? :)

 

Nota: Imagem recolhida na internet apenas para inspiração e motivação.

 

publicado às 19:10

Electroestimulação # Celulite # Drenagem

por Diário de uma Magra by Dinora Bastos, em 22.08.16

 

A electroestimulação é um procedimento que utiliza correntes elétricas para diversas finalidades, tais como, o tratamento de flacidez tecidual, tonificação muscular e drenagem linfática.

 

Provoca contração muscular, aumentando a circulação sanguínea, melhorando a oxigenação celular e eliminando toxinas. 

 

Os impulsos elétricos são gerados pelos aparelhos de electroestimulação e permitem estimular diferentes tipos de fibras nervosas, dependendo do objetivo da electroestimulação:

- Promover a contração muscular

- Promover o alívio da dor através de um efeito analgésico associado à produção de endorfinas.

 Quais as vantagens da electroestimulação?

 

- Otimizar os resultados de treino desportivo: A eletroestimulação tem sido usada desde há muito por atletas de alta competição e por fisioterapeutas, não só para efeitos de preparação desportiva mas também de recuperação muscular.

 

- Redefinir a sua silhueta: Com a electroestimulação pode tornar a sua silhueta mais bonita e definida graças ao efeito tonificante e reafirmante. Não substitui os cuidados com a dieta uma vez que a electroestimulação não promove o consumo calórico. No entanto, é uma grande aliada para o ajudar a alcançar resultados,

 

- Promover o alívio da dor: A estimulação das fibras nervosas por meio de micro-impulsos elétricos tornou-se uma técnica essencial para combater a dor. Esta eletroterapia com efeito analgésico é amplamente usada hoje em dia, particularmente na medicina e reabilitação em centros especializados no tratamento da dor.

 

Personal Trainer: Bruno Gonçalves - Personal Trainer

Mail: goncalves.bruno7@gmail.com

Tlm: 967 819 639

Estudio: Training Lab

 

publicado às 20:42


Mais sobre mim

foto do autor




Esbelt Brazilian Bodywear: 10% Desconto!

Esbelt Europe

Detox Original! 10% Desconto com o código: DINORABASTOS


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Pesquisar

  Pesquisar no Blog