Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Tatiana Costa... Uma Diva Inspiradora!

por Diário de uma Magra by Dinora Bastos, em 11.12.16

Hoje partilho a história de uma Diva Inspiradora… Tatiana Costa!

 

Tatiana Costa.jpg

 

"Ponderei muito antes de partilhar convosco esta montagem. Mas penso que não há melhor forma de mostrar a todos os que me seguem, e sobretudo aos meus clientes e atletas de que basta um ser capaz, para qualquer um ser!

 

Nestas fotos podem ver o meu percurso ao longo de 5 anos.

 

2011 (85kg) |

Não tinha qualquer cuidado com a minha alimentação, não praticava nenhum tipo de atividade física, e ainda tinha um péssimo hábito, de que hoje me envergonho e questiono de como era capaz. Era fumadora. Apesar do sorriso espontâneo na fotografia, eu não era feliz. Psicologicamente vulnerável e inconstante, odiava o meu corpo e sentia-me desmotivada com a vida. Sem grandes capacidades para acreditar que um dia seria capaz de mudar algo em mim.

 

2012 (62kg) |

Foi o ponto de viragem. Decidi que só eu posso mudar e determinar o que quero para mim. Estava determinada em mudar tudo o que não queria ter ou ser. Deixei de fumar da noite para o dia, literalmente, e inscrevi-me num ginásio, estabelecendo regras ditadas por mim mesma: treino e dieta. Atingi este físico sem qualquer ajuda ou influência de terceiros. Sozinha procurei conhecimento gratuito na internet e em revistas. Infelizmente na altura não tive alguém que me ajudasse a atingir de forma mais "precisa" o meu objetivo, porém mais tarde tive a sorte de encontrar pessoas com quem aprendi, outras com quem me desiludi. Faz parte. O meu objetivo era, e é, ser feliz, e por isso vos digo que sozinhos somos capazes, mas só até um certo ponto. Ninguém sozinho é capaz de evoluir e ser melhor, todos precisamos uns dos outros. E por isso se hoje sei e sou quem sou, deve-se à minha determinação e a todos os que apareceram no meu caminho, tanto os bons, como os maus. As lições são aprendizagem.

 

2016 (70kg) |

1 dia antes da minha última competição em Bodyfitness pela UKBFF, em que fui apurada para a grande final do campeonato britânico (British Championships) e fiz Top10 do Reino Unido. Hoje tenho o meu projeto fitness, a Scoop by Scoop, onde acompanho os meus clientes e atletas, ajudando-os a atingir os seus objetivos, com a ajuda do meu namorado e companheiro de todas as lutas.

 

O meu mais valioso conselho: Nunca desistam de ser aquilo que mais querem!"

 

Podem seguir a Tatiana....

. Insta com o nome: tatiana.costa.scoop

. Facebook: Tatiana Costa

. Blog: Scoop by Scoop

 

Se não se sente bem com o seu corpo, mude! Hoje é o dia!

Boa Semana

XoXo

publicado às 18:33

Biscoitos de Aveia e Sementes # Receita

por Diário de uma Magra by Dinora Bastos, em 02.12.16

Biscoito.jpg

 

Receita de Biscoitos de Aveia e Sementes

 

Ingredientes:

 

. 10 Colheres de sopa de farinha de aveia

. 2 Colheres de sopa de whey aroma a chocolate

. 1 Colher de sopa de sementes de chia

. 1 Colher de sopa de sementes de linhaça (triturada)

. 2 Colheres de sopa de frutas oleaginosas (nozes e castanha do maranhão picados)

. 1 Banana média

. Chá de gengibre (ou outro a gosto)

 

Modo de Preparação:

. Misturar todos os ingredientes com um garfo e acrescentar o chá de gengibre até obter uma pasta.

. Colocar a pasta no forno pré-aquecido a 180ºC durante cerca de 30 minutos.

. Proto a servir!

 

 

publicado às 17:34

Corrida no Feminino # Alimentação Saudável !

por Diário de uma Magra by Dinora Bastos, em 06.11.16

corrida.jpg

“Os praticantes de desporto de todos os níveis sempre aspiraram a chegar mais longe e mais depressa com a ajuda da alimentação. Desde a antiguidade clássica que se consomem determinados alimentos ou partes de animais como “ajuda” ergogénica ao desempenho físico.

A alimentação pode melhorar o rendimento e a recuperação do exercício através de estratégias nutricionais bem escolhidas e individualmente planeadas.” 

Nutrição no DesportoPrograma Nacional para a promoção da Alimentação Saudável (Direção Geral-Saúde)   

 

Este texto é dedicado às amigas que gostam de correr :)  Profissionais ou apenas por paixão os cuidados com a alimentação não devem ser descurados. 

 

Não passar várias horas sem comer! 

 

Estudos mostram que as mulheres que mantêm o seu peso constante são geralmente aquelas que comem, pelo menos, quatro vezes por dia e que não saltam refeições. Este hábito pode, também, melhorar o seu desempenho no trabalho/treino. 

Pesquisas demonstram que comer um lanche no período da manhã e da tarde melhora a memória e as habilidades cognitivas durante todo o dia. Por outro lado, ao saltar refeições você pode ficar incapaz de se concentrar e sem energia para o treino (principalmente se o treino for ao fim do dia). 

Além disso, as refeições que evita durante o dia muitas vezes levam a excessos no período da tarde e da noite. Ou seja, você vai ficar mais propensos a selecionar os alimentos mais calóricos, ricos em gordura e açúcar e em maior quantidade. 

Tente comer cerca de cinco vezes por dia - três refeições principais e dois lanches. Se você tem dias muito atarefados, sem tempo livre, então deve organizar com antecedência as suas lancheiras. Adquira o hábito de preparar lanches e coloque no seu saco de treino, prepare petiscos saudáveis ​​para colocar na lancheira do trabalho para os lanches do meio da manhã e meio da tarde.  

 

Vitamina B2 

 

A Vitamina B2 (riboflavina) auxilia na “quebra” de hidratos de carbono e gorduras para a produção de energia, propriedades que tornam esta vitamina crucial durante exercícios de endurance. Um estudo realizado com mulheres revelou que 30 minutos de exercício diário diminui os níveis de riboflavina no corpo.

Para melhorar a sua saúde/ rendimento deve apostar em alimentos ricos nesta vitamina.A maioria dos produtos lácteos são boas fontes de riboflavina (leite, iogurte, queijos), mas os flocos de aveia, a levedura de cerveja e a amêndoa são outros exemplos.

 

Cálcio 

 

Um bom aporte de cálcio e proteína é crucial para as mulheres, especialmente para as mulheres que são suscetíveis à osteoporose ou com amenorreia. 

Embora as atividades como correr e a musculação ajudam a construir ossos mais fortes é fundamental que faça uma ingestão adequada destes nutrientes. Se costuma ter longos períodos sem menstruação, você pode perder massa óssea, apesar de exercício físico regular. Isso porque as mulheres amenorreicas têm níveis mais baixos de estrogénio, uma hormona que desempenha um papel fundamental na construção e manutenção do cálcio do osso.

Estima-se que 25% das mulheres corredoras tornam-se amenorreicas em algum período. Evite os suplementos de fibras: estes ligam-se ao cálcio e outros minerais no trato intestinal, diminuindo a absorção de nutrientes essenciais.

 

Dieta Vegetariana, vigiar nutrientes! 

 

Um estudo com mulheres vegetarianas mostrou que em comparação com as não vegetarianas apresentavam menor aporte de cálcio, zinco e vitamina B12.

Uma vez que, a vitamina B12 é encontrada praticamente só em produtos de origem animal (carne vermelha, peixe, marisco, ovos e leite são boas fontes), as vegetarianas estritas devem procurar um médico para melhor aconselhar e prescrever um suplemento adequado.

Zinco, que é necessário para o bom funcionamento do sistema imunológico, encontra-se nas ostras, carne, germe de trigo.

 

Ferro

 

Estudos mostram que mais de 50 por cento de todas as mulheres corredores apresentam níveis baixos de ferro. 

Níveis baixos de ferro podem traduzir-se em fadiga e falta de resistência, uma vez que o sangue é incapaz de transportar oxigênio de forma eficiente para os músculos trabalharem. 

A solução é simples: comer mais alimentos ricos em ferro - carne vermelha magra e aves são duas das melhores fontes.

As mulheres muitas vezes evitam carne vermelha devido ao seu teor de gordura, mas ao escolher cortes magros você pode obter o ferro, mantendo uma dieta de baixa gordura. Boas fontes vegetarianas de ferro são as leguminosas (lentilhas, ervilhas, feijão).

 

NOTA: Este texto não invalida uma avaliação personalizada por um profissional de saúde para um acompanhamento nutricional mais adequado e ajustado às suas necessidades.

 

Coma Bem… Corra Bem… Viva Melhor!

Boas corridas***

 

Fonte/Foto: Running Magazine

publicado às 19:19

Alimentos ricos em Proteína! # Não é só a carne e o peixe!

por Diário de uma Magra by Dinora Bastos, em 15.10.16

proteina fontes.jpg

As proteínas são um macronutriente vital para a estrutura e função metabólica do corpo humano. Encontram-se milhares de proteínas diferentes no nosso organismo, e cada uma delas tem um papel diferente e essencial.

 

Organicamente, são um importante componente tecidular, onde cerca de metade das proteínas corporais se encontra nos tecidos estruturais (músculos e pele), sendo, por isso, essenciais para o crescimento e manutenção da estrutura do corpo durante toda a vida.

 

Algumas funções das proteínas: Enzimática, transporte, hormonal - algumas hormonas são proteínas (p.e. insulina), imunitária. São também utilizadas como fonte energética.

 

As proteínas encontram-se em diversos alimentos.

As fontes de proteína de origem animal, como a carne, peixe, ovos, leite, queijo e iogurte, fornecem proteína de alto valor biológico.

Fontes vegetais como os legumes, os cereais, os frutos secos, as leguminosas secas proporcionam proteínas de baixo valor biológico.

No entanto, uma combinação de diferentes alimentos na mesma refeição (por exemplo, leguminosas secas e cereais) é muitas vezes uma mistura de alto valor biológico.

 

Ou seja, o equilíbrio é a chave. O ideal é consumir as duas em quantidades adequadas para não comprometer as suas necessidades diárias.

 

Alguns exemplos:

 

Aveia 

A aveia é um cereal muito apreciado, saudável e nutritivo. Apresenta alto teor em fibra, magnésio, manganês, tiamina (vitamina B1) e vários outros nutrientes. 

O teor de proteína ronda os 15%.

 

Queijo tipo Cottage 

O queijo Cottage tem um muito baixo teor em gordura e calorias e fornece um bom aporte de proteína. 

100g tem apenas 103kcal e 13g de proteína. 

Ele é rico em cálcio, fósforo, selénio, vitamina B12, riboflavina (vitamina B2) e vários outros nutrientes. 

Ainda encontra no mercado a versão magro com cerca de 72kcal.

 

Brócolos 

O brócolo é um legume extremamente saudável, rico com vitamina C, vitamina K, fibra e potássio. 

Os brócolos são conhecidos pela sua riqueza em vários nutrientes bioativos acreditados para ajudar a proteger contra alguns tipos de cancro. 

1 Chávena contem apenas 31kcal com 3g de proteína.

 

Quinoa 

A Quinoa é um pseudo-cereal, um dos superalimento mais populares do mundo, e oferece inúmeros benefícios para saúde. 

É rica em muitas vitaminas, minerais e fibras, e é carregado com antioxidantes. 

Uma chávena (100g) tem 13g de proteína.

 

Lentilhas 

As lentilhas são boas fontes de proteína (8g/100g), excelente alimento para vegetarianos. 

São ricas em fibras, magnésio, potássio, ferro, ácido fólico, cobre, manganês e outros nutrientes.  

 

Sementes de abóbora 

As sementes de abobora são ricas em muitos nutrientes, incluindo ferro, magnésio e zinco. 

Cada 100g fornece 24g de proteína.

 

Amendoins  Incrivelmente deliciosos, os amendoins são ricos em proteínas, fibra, magnésio e muitos estudos mostram que eles podem ajudar na perder peso. 

100g apresenta 28g de proteína.

 

NOTA: Estes alimentos são apenas alguns exemplos de fornecedores de proteína, há vários e o ideal é variar sempre o mais possível.

A quantidade ingerida de cada alimento deve ser de acordo com o seu plano alimentar e objetivo.

 

publicado às 10:58

Banana # Saudável e Deliciosa!

por Diário de uma Magra by Dinora Bastos, em 09.10.16

Banana - fruta.gif

 

A banana além de ser uma fruta muito nutritiva (contêm vários nutrientes essenciais) apresenta benefícios para a digestão, saúde do coração e perda de peso. 

 

Algumas das características que tornam a banana um fruto muito interessante:

 

1. Nutrientes importantes! 

 

Existem muitas variedades de bananas, que variam na cor, tamanho e forma. 

 

Uma banana (100 gramas) contém: 

Hidratos de Carbono: 21.8g

Fibra: 3,1g

Proteína: 1,6g

Gordura: 0,4g    

 

Potássio: 425mg

Vitamina B6: 0,29mg

Vitamina C: 10mg

Magnésio: 28mg 

 

100g de banana contém apenas cerca de 95 calorias! 

 

Os hidratos de carbono presentes nas bananas verdes consistem essencialmente de amido e amido resistente, mas na banana madura, o amido “transforma-se” em açúcar (glucose, frutose e sacarose).

 

2. Controlo dos níveis de açúcar!

 

As bananas são ricas em fibra – pectina - o que lhe dá a sua forma estrutural carnuda.

As bananas verdes contêm amido resistente, que age como fibra solúvel e “escapa” da digestão (não é digerida pelo Homem). 

Ambos, pectina e amido resistente, podem moderar os níveis de açúcar no sangue após as refeições e reduzir o apetite (atrasando o esvaziamento gástrico). 

 

O valor glicêmico das bananas é muito variável (cerca de 30 nas bananas verdes e nas bananas maduras pode rondar 60-80). 

O índice glicêmico varia entre 0 e 100 e representa o quão rapidamente os alimentos aumentam os níveis de açúcar no sangue.

 

Classificação:

IG menor ou igual a 60: baixo

IG entre 70 e 90: moderado

IG maior que 100: alto

 

Isto significa que as bananas podem não causar grandes picos nos níveis de açúcar no sangue em indivíduos saudáveis (especialmente as verdes).

 

2. Saúde Do Sistema Digestivo!

 

A fibra tem sido associada a muitos benefícios na saúde, incluindo uma melhor digestão. 

Uma banana de tamanho médio contém cerca de 3 gramas de fibra, fazendo a banana uma boa fonte de fibra. 

 

As bananas contêm principalmente dois tipos de fibra: 

. Pectina: diminui à medida que a banana amadurece

. Amido resistente: presente nas bananas verdes

 

O amido resistente não é digerido e acaba no nosso intestino grosso, onde se torna alimento para as bactérias intestinais benéficas. 

 

Além disso, alguns estudos com células revelou que a pectina pode ajudar a proteger contra o cancro do cólon.

 

3. Perda de Peso!

 

Nenhum estudo testou diretamente os efeitos da banana na perda de peso.

No entanto, a banana têm várias características que podem promover a perda de peso. 

 

A banana contém relativamente poucas calorias (banana média contém cerca de 100 calorias) e a sua ingestão ajuda na sensação de saciedade e a reduzir o apetite. 

 

Apresenta, ainda, um bom teor de fibra. E, a ingestão de fibra tem sido, repetidamente, associada com menor peso corporal e perda de peso.

As bananas contêm altas quantidades de amido resistente / pectina, que pode variara consoante o estado de maturação.

Ambos podem reduzir o apetite e ajudar a na sensação de saciedade.  

 

5. Saúde do Coração!

 

O potássio é um mineral que é essencial para a saúde do coração, especialmente o controlo da pressão arterial.

No entanto, apesar da sua importância, a maioria das pessoas não ingere uma quantidade suficiente/adequada de potássio.

As bananas são uma grande fonte dietética de potássio. 

 

Uma dieta rica em potássio pode ajudar a baixar a pressão arterial, e as pessoas que comem a dose adequada de potássio podem ter um menor risco de doenças cardíaca. Além disso, a banana contém uma boa quantidade de magnésio, o que também é importante para a saúde do coração. 

 

Ou seja, as bananas são uma boa fonte alimentar de potássio e magnésio, dois nutrientes que são essenciais para a saúde do coração. 

 

6. Poderosos Antioxidantes!

 

Frutas e vegetais são excelentes fontes de antioxidantes na dieta, e as bananas não são exceção.

Os antioxidantes têm sido associados a muitos benefícios para a saúde, tais como um risco reduzido de doença cardíaca e doenças degenerativas.

 

7. Benefícios no Exercício!

 

A banana é muitas vezes referida como o alimento perfeito para os atletas, em grande parte devido ao seu teor mineral e hidratos de carbono.

As bananas podem ajudar a aliviar cãibras musculares causadas ​​pelo exercício (apesar de haver alguns estudos que revelam não ter um efeito muito significativo).

 

Elas também fornecem excelente combustível para o exercício de resistência. 

 

Além desta características nutricionais as bananas são facilmente incorporadas na alimentação, são incrivelmente fáceis de comer e de transporte.

Geralmente, são bem toleradas e digeridas, e só têm de ser descascadas e comidas!  

 

Além disso, bananas raramente contêm quaisquer pesticidas ou poluentes, devido à espessura da sua casca protetora. 

 

Fontes:

. Dr Kris Gunnars

. Instituto Nacional de Saúde – Dr. Ricardo Jorge

 

Nota: Um plano alimentar deve ser o mais personalizado e individual possível.

Este texto não invalida a consulta/aconselhamento por um profissional de saúde.

publicado às 12:42

Metabolismo # Aumentar o metabolismo e queimar calorias!

por Diário de uma Magra by Dinora Bastos, em 02.10.16

metabolismo.png

 

Afinal o que é o metabolismo?

 

Simplificando… 

O metabolismo engloba um conjunto de reações químicas que ocorrem no organismo, muitas vezes usado como sinónimo de taxa metabólica, ou a quantidade de calorias que você queima. 

 

Quanto mais rápido e eficaz for o seu metabolismo, mais calorias são gastas! 

 

10 Dicas para aumentar o metabolismo!

 

1. Comer uma boa porção de proteína em todas as refeição (a quantidade deve ser ajustada individualmente)

 

O efeito térmico dos alimentos (TEF) é causado pelas calorias extras necessários para digerir, absorver e processar os nutrientes da refeição.

A ingestão de proteína proporciona um aumento do TEF (aumentando a taxa metabólica cerca de 15-30%, em comparação com 5-10% de hidratos de carbono e 0-3% para gorduras).

 

Também foi demonstrado que comer alimentos ricos em proteína pode ajudar a sentir-se mais completo e impedi-lo de comer em excesso.  

 

2. Beba mais água fria 

 

Estudos têm mostrado que o consumo 0,5 litros de água aumenta o metabolismo em 10 a 30% (cerca de uma hora). 

Este efeito de queima de calorias pode ser ainda maior se você beber água fria, uma vez que o seu organismo vai gastar energia extra para “voltar aquecê-lo”. 

 

A água também pode ajudar na saciedade. Estudos mostram que o consumo de água meia hora antes das refeições pode ajudá-lo a comer menos. 

 

Um estudo em adultos com excesso de peso revelou que aqueles que beberam meio litro de água antes de suas refeições perderam cerca de 44% mais peso do que aqueles que não beberam.

 

3. Treinos de alta intensidade

 

Treino HIIT ou treino intervalado de alta intensidade envolve explosões rápidas e muito intensas de atividade, seguidos de uma fase, também curta, de recuperação. 

 

O HIIT pode ajudá-lo a queimar mais gordura, aumentando a sua taxa metabólica, mesmo após o treino terminar. 

Este efeito é acreditado ser maior no HIIT do que para outros tipos de exercício.  

 

Um estudo em homens jovens com excesso de peso revelou que em 12 semanas de exercícios de alta intensidade, eles reduziram a massa gorda (cerca de 2 kg) e gordura abdominal (17%).

 

4. Treino Pesos/ Musculação

 

O músculo é metabolicamente mais ativo do que gordura e construção muscular pode ajudar a aumentar o metabolismo. Isto significa que você vai queimar mais calorias durante o dia, mesmo em repouso. 

A musculação também irá ajudá-lo a manter o músculo e combater a queda no metabolismo que pode ocorrer durante a perda de peso. 

 

5. Levante-se mais! 

 

Passar o dia sentado é péssimo para a saúde (e para o metabolismo). 

O sedentarismo já foi apelidado por alguns profissionais de saúde de "o novo fumar."

Se você tem um trabalho de secretária, tente levantar-se por períodos curtos para quebrar o período de tempo que você passa sentado.

 

6. Beber chá verde ou chá Oolong

 

O chá verde e chá e oolong podem aumentar o metabolismo cerca de 4-5%. 

Estes chás ajudam a converter parte da gordura armazenada no corpo em ácidos gordos livres, o que pode estimular a queima de gordura entre 10 a 17%. 

 

Como são bebidas pouco calóricas, a sua ingestão pode ser boa para quem quer perder e manter o peso.

No entanto, alguns estudos consideram que estes chás não afetam o metabolismo. Portanto, o seu efeito pode ser pequeno ou só se aplica a algumas pessoas.

 

7. Comer alimentos picantes

 

Comer comida picante pode ser benéfico para impulsionar o seu metabolismo e ajudá-lo a manter um peso saudável. 

 

Pimentas contêm capsaicina, uma substância que pode aumentar o seu metabolismo. Embora, muitas pessoas não toleraram estas especiarias nas doses necessárias para ter um efeito significativo. 

 

Os efeitos da adição das especiarias na comida podem ser muito pequenos. No entanto, pode ser útil quando combinado com outras estratégias de aumento do metabolismo.

 

8. Sono tranquilo e adequado

 

A privação de sono pode diminuir a quantidade de calorias que você queima, perturbar o metabolismo/processamento do açúcar e alterar o normal funcionamento as hormonas reguladoras do apetite. 

A falta de sono está associada a um aumento significativo no risco de obesidade. Isto pode, em parte, ser causado pelos efeitos negativos da privação de sono sobre o metabolismo.  

 

9. Café 

 

Estudos têm demonstrado que a cafeína pode aumentar o metabolismo de 3-11%.

Á semelhança do chá verde também promove a queima de gordura.

Os efeitos do café sobre o metabolismo e a queima de gordura também podem contribuir para uma perda (e manutenção) de peso bem-sucedida.

 

10. Óleo de coco 

 

Ao contrário de outras gorduras saturadas, óleo de coco contém uma grande quantidade de gorduras de cadeia média. 

As gorduras de cadeia média podem aumentar mais o metabolismo do que as gorduras de cadeia longa encontrados em alimentos como a manteiga.

A substituição de outras matérias gordas para cozinhar por óleo de coco pode ajudar a impulsionar ligeiramente o seu metabolismo.  

 

Não esquecer: O metabolismo é pessoal e intransmissível e depende de vários fatores.  

 

Fazer pequenas mudanças de estilo de vida e incorporar estas dicas na sua rotina pode aumentar o seu metabolismo e, ter um metabolismo mais elevado, pode ajudar a perder peso e mantê-lo, dando-lhe mais energia. 

 

Mas, não se esqueça que o metabolismo é apenas um dos fatores que interferem no processo de perda de peso!

 

publicado às 21:09

Retenção de Líquidos # Receita de Sumo Diurético

por Diário de uma Magra by Dinora Bastos, em 15.08.16

sumo diuretico.jpg

A retenção de líquidos é uma alteração metabólica que consiste na acumulação de água no organismo, normalmente nas pernas, abdómen ou mãos, provocando inchaço (edema).

 

Algumas pessoas chegam a ganhar dois quilos devido á retenções de líquidos.

 

Esta alteração pode ter diversas causas (patologia cardíaca, hepática, renal) e um aconselhamento médico é imprescindível.

 

----

Cuidar da sua alimentação ajuda!

 

Reduza o excesso de sal da alimentação!

 . Troque o sal por ervas aromáticas e especiarias;

. Evite alimentos muito processados/ refinados.

 

Faça uma ingestão proteica adequada e ajustada a si (dê preferência a carnes magras e peixe)!

O défice de proteínas pode levar a uma diminuição da produção de albumina, substância produzida pelo fígado que evita a acumulação de líquidos.

 

Frutas e legumes não podem faltar na sua alimentação!

Fonte de vitaminas e minerais fundamentais para o bom funcionamento do organismo.

 

Receita de Sumo Diurético

 

. Faça uma infusão de dente-de-leão e deixe arrefecer;

. Quando estiver bem frio adicione ½ pepino, ½ talo de aipo, uma rodela de abacaxi;

. Triture tudo até obter uma textura homogénea e fina;

. No fim, acrescente raspas de gengibre, sumo de limão, hortelã e pedras de gelo a gosto!

 

publicado às 10:44

“As pessoas não são gordas. Elas têm gordura!"

por Diário de uma Magra by Dinora Bastos, em 24.07.16

GORDURA.jpg

 

A sociedade em que vivemos valoriza muito o estético, o físico e o belo.

 

A obesidade, mais do que um problema físico, compromete o estado emocional, prejudicando a autoestima e em alguns casos pode levar à depressão e à dificuldade de auto aceitação.

A pessoa obesa, vista pela sociedade como uma pessoa sem força de vontade ou desleixada, pode sofrer distúrbios emocionais por pressões pessoais ou do mundo exterior.

 

Mas…

“As pessoas não são gordas. Elas têm gordura.

Assim como têm dentes também, mas não são dentes.”

 

Da próxima vez que se sentir gordo, pare e pense no que realmente interessa: VOCÊ (e o que o incomoda)!  

 

Você está preocupado, ansioso, triste, chateado?

Qual o verdadeiro motivo do seu mau estar? 

 

Isto pode ser desconfortável, especialmente se você não está acostumado a pensar sobre como você se sente.  Às vezes é apenas mais fácil comer e usar os alimentos para “encher as emoções negativas”. Mas, a FOME EMOCIONAL nunca será a solução dos seus problemas.

 

Se o excesso de peso é o problema que o preocupa, então mude a solução é simples:

 

“Segundo especialista, para perder peso de forma eficiente, existem três passos fundamentais: praticar exercícios físicos com regularidade, manter uma alimentação equilibrada e o mais importante: manter uma relação saudável consigo mesmo, não se descuidando da autoestima.”

 

Você não é gordo, você têm gordura que pode (e deve) perder!

 

publicado às 23:54

Perca peso, comendo mais!

por Diário de uma Magra by Dinora Bastos, em 16.07.16

densidade estomago.jpg

Se você está cansado de ouvir conselhos de dieta para comer menos, vai adorar saber que ao escolher alimentos que são, naturalmente, pobres em calorias, mas com maior volume, pode comer “muito mais” sem se preocupar com a balança.

 

Na verdade, nós normalmente escolhemos os alimentos com base no volume e na quantidade de alimentos que comemos, embora o número de calorias possa variar.

 

Então, "diminuindo a densidade calórica dos alimentos que ingerimos", é uma inteligente e saudável maneira de satisfazer o seu apetite e cortar calorias.

 

Frutas e Legumes, sempre uma boa opção!

Estes alimentos são ricos em fibra, sacia com poucas calorias. 

 

Por exemplo, uma sopa de legumes além de baixo valor calórico, dá volume à sua refeição.

Inicie as refeições principais com um bom prato de sopa e está a fornecer vitaminas, minerais, antioxidantes e muita fibra.

Hidrata e nutre com poucas calorias. 

 

Ou, comece a sua refeição com uma boa porção de salada vai sentir-se confortável mais cedo e terminar a refeição com menor ingestão calórica. 

 

Atenção á gordura!

Tendo em conta que 1 grama de gordura tem 9 calorias (e uma grama de proteína e hidratos tem apenas 4kcal) reduzindo a gordura (óleo, azeite, maionese, molhos) do seu prato vai diminuir o valor calórico da sua refeição.

 

Também é importante escolher opções de baixo teor de gordura dos seus alimentos favoritos, tais como: partes mais magra da carne bovina, aves e/ou peixes sem pele e produtos lácteos com pouca (sem) gordura e retirar qualquer gordura visível da carne/peixe antes de cozinhar. O segredo é fazer escolhas alimentares inteligentes.

 

Você pode comer uma porção maior de alimentos com densidade energética mais baixa ingerindo as mesmas calorias.

 

A seleção de alimentos com baixa densidade calórica, ajuda a controlar a fome e é uma estratégia saudável para perder peso a longo prazo!

 

Nota final: A perda de peso deve ser uma mudança global de comportamento e estilo de vida (alimentação saudável e exercício físico).

 

 

publicado às 16:20

Porto Canal # Programa Consultório com Susana Cunha Guimarães

por Diário de uma Magra by Dinora Bastos, em 12.07.16

Porto Canal # Programa Consultório.jpg

 

No Programa Consultório do Porto Canal com a querida Susana Cunha Guimarães - Porto Canal !
Porto Canal

 

publicado às 00:30


Mais sobre mim

foto do autor




Esbelt Brazilian Bodywear: 10% Desconto!

Esbelt Europe

Detox Original! 10% Desconto com o código: DINORABASTOS


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Pesquisar

  Pesquisar no Blog